Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Gestão da Estratégia
Início do conteúdo da página

Gestão da Estratégia

Publicado: Quarta, 17 de Agosto de 2016, 16h21
Atualizado: Quarta, 08 de Julho de 2020, 16h29

Planejamento Estratégico

O Planejamento Estratégico é parte fundamental do modelo de gestão da ANP, e orienta a instituição para o atingimento dos objetivos constantes no Mapa Estratégico Institucional. Isso se dá por meio da execução dos projetos estratégicos e dos processos organizacionais, promovendo a sinergia de esforços entre as Unidades Organizacionais (Uorgs) da Agência.

 

Mapa estratégico da ANP

 

Gestão da Estratégia

A Gestão da Estratégia institucional tem o objetivo de monitorar a execução do planejamento estratégico definido pela ANP, verificando se o que fora planejado e apresentado está sendo alcançado. Como consequência deste monitoramento, pode-se, por exemplo, ser necessário um ajuste operacional para corrigir algum ponto específico que tenha ficado aquém do que fora planejado.

A gestão da estratégia se baseia na execução dos projetos estratégicos e dos processos organizacionais e no monitoramento dos resultados dos indicadores de desempenho. Esse modelo pressupõe a cooperação entre as equipes e a horizontalidade das Uorgs, com a finalidade de atingir o que foi definido no Planejamento Estratégico da ANP.

- Cadeia de Valor
- Painel de Desempenho
Conheça os indicadores de estratégia

 

Gestão de Processos Organizacionais

Gerenciamento de processos é uma abordagem disciplinar para identificar, desenhar, executar, documentar, medir, monitorar, controlar e melhorar processos organizacionais, automatizados ou não, para alcançar resultados consistentes e alinhados com os objetivos estratégicos da organização.


Finalidade:

• sistematizar atividades por meio da implementação de rotinas;
• facilitar o entendimento e o relacionamento entre colaboradores;
• facilitar o planejamento e avaliação dos processos da Agência;
• facilitar a elaboração de normas e instruções de trabalho;
• auxiliar na identificação de riscos;
• auxiliar na implementação de sistemas informatizados;
• desenvolver e difundir metodologias e boas práticas, possibilitando a implantação de melhorias contínuas;
• aumentar a produtividade e eficiência na execução dos processos, procedimentos e rotinas de trabalho.

A gestão de processos na ANP é conduzida pela Secretaria Executiva por meio do seu Escritório de Processos Organizacionais (EPO).

O EPO atua nos processos, e rotinas de trabalho da Agência, fornecendo os seguintes serviços:

• Modelagem do fluxo de trabalho dos processos e procedimentos internos;
• Diagnóstico de processos para identificação de gargalos, ineficiências e oportunidades de melhoria;
• Suporte na elaboração de planos de melhorias e aprimoramento dos processos e procedimentos.

 

Metodologia Ágil na Execução do Processo

Uma vez realizada a modelagem do processo, a filosofia ágil pode ser aplicada ao gerenciamento de rotinas operacionais. A implementação desta filosofia, baseada no Kanban, na gestão da execução das rotinas operacionais proporciona maior transparência ao processo, e revela, por exemplo, estrangulamentos e sobrecargas de mão de obra. Somado a isso, a aplicação da filosofia ágil proporciona maior interação entre as equipes que são interdependentes.

O EPO atua continuamente para elevar o nível de desempenho e os resultados da ANP.

 

Fases e Etapas da Gestão de Processos

 

Fases e etapas

 

Gestão de Projetos

O Escritório de Gestão de Projetos (EGP) tem a missão de institucionalizar a cultura de gestão de projetos na ANP e gerir a carteira de programas e projetos estratégicos.

A partir da definição e da disseminação das diretrizes metodológicas, bem como do acompanhamento dos projetos e dos seus resultados, o EGP contribui para a padronização e o alinhamento entre as unidades organizacionais da agência, rumo ao atendimento dos objetivos do mapa estratégico.

Assunto(s): Planejamento Estratégico , Modelo de Gestão , planejamento , estratégico
Fim do conteúdo da página
>