Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Petróleo e Derivados > Combustíveis > Outros Combustíveis Fósseis
Início do conteúdo da página

Outros Combustíveis Fósseis

Publicado: Sexta, 30 de Setembro de 2016, 11h36
Atualizado: Terça, 26 de Fevereiro de 2019, 15h54

Além dos combustíveis utilizados principalmente para a movimentação e lubrificação de motores em geral, e para aquecimento em várias aplicações, também existem outros derivados de petróleo e gás natural que são regulados pela ANP.

Aditivos para combustíveis automotivos

Entende-se por aditivos substâncias ou misturas de substâncias utilizadas em pequenas proporções e capazes de agregar benefícios a um produto sem, no entanto, comprometer sua qualidade em outros parâmetros de qualidade/ segurança. Podem ser constituídos apenas pelo princípio ativo ou estar associados a diluentes e fluidos carreadores. São exemplos de benefícios decorrentes do uso de aditivos: melhoria na combustão, limpeza de válvulas e bicos injetores, aumento de octanagem, entre outros.

A Resolução ANP nº 704/2017, que revogou a Resolução ANP nº 1/2014, retirou a obrigatoriedade do registro de aditivos para combustíveis automotivos pela ANP. Com isso, a ANP deixou de registrar aditivos para combustíveis. Leia mais sobre a revogação no link a seguir: ANP retira obrigatoriedade do registro de aditivos para combustíveis automotivos.

Corante para etanol anidro combustível

Corantes para etanol anidro combustível são substâncias que conferem coloração laranja ao etanol a ser vendido ao consumidor final, nos postos de abastecimento, devendo ser adicionados pelo produtor, firma inspetora, operador, ou transportador, conforme o caso, sempre na concentração de 15 mg/L. A obrigatoriedade de adição de corante ao etanol tem o objetivo de evitar a fraude conhecida como "álcool molhado".

O registro de corantes para etanol junto à ANP deve seguir o que estabelece a Resolução ANP n° 19/2015.

Assunto(s): combustíveis , aditivos
Fim do conteúdo da página
>