Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > ANP participa do lançamento de programa voltado para áreas terrestres
Início do conteúdo da página

ANP participa do lançamento de programa voltado para áreas terrestres

Publicado: Quinta, 22 de Agosto de 2019, 15h08
Atualizado: Quinta, 22 de Agosto de 2019, 15h08

O diretor-geral da ANP, Décio Oddone, participou hoje (22/8) da cerimônia de lançamento do novo Programa de Revitalização das Atividades de Exploração e Produção de Petróleo e Gás Natural em Áreas Terrestres – Reate 2020, na sede do Ministério de Minas e Energia, em Brasília.

Em sua fala, Oddone destacou os avanços alcançados nos últimos dois anos para áreas terrestres, como a Oferta Permanente, o Reserved Based Landing, a criação de uma Coordenação de Áreas Terrestres na ANP e a venda de ativos da Petrobras, mas ressaltou que é preciso se concentrar, a partir de agora, no que ainda não foi alcançado.

“Nós não entregamos ainda, no meu ponto de vista, duas coisas fundamentais: licenciamento ambiental, que, em terra, é prerrogativa dos governos estaduais e dos institutos estaduais do meio ambiente, e, especialmente, o não convencional. O Brasil tem potencial para o não convencional e é frustrante refazer todos os dias a opção pela pobreza ao não explorar os recursos naturais que nós temos”, afirmou. O diretor lembrou que, nos EUA, há 700 mil poços não convencionais em produção, o que demonstra que é possível realizar essa atividade de forma segura.

A mesa de abertura contou ainda com a participação do ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, e outras autoridades. Também estiveram presentes na cerimônia os diretores da ANP Dirceu Amorelli e Felipe Kury.

O Reate tem como objetivos fomentar a exploração e a produção de petróleo e gás natural em terra, com vistas a propiciar o desenvolvimento regional e estimular a competitividade nacional.

registrado em:
Fim do conteúdo da página
>